A luzinha.

21:51:00

Jennifer ♥



A luzinha estava a crescer. Brilhava entre o obscuro que a rodeava e sorria, sorria com um sorriso tão pequenino, tão inocente, tão sincero...
Sentia a sua paz, o seu calor, o seu conforto dentro de mim e transmitíamos felicidade. Ela para mim e eu para tudo o que me rodeava.

Neste momento, a luz está grande demais e queima, queima tanto que me dilacera por dentro. Uma dor diferente, sentida de forma diferente, demonstrada de forma diferente. Algo que o coração não deixa passar, que percorre o corpo e fere. Fere também por dentro, arranha, morde, destrói e nem pede licença para entrar quando a alegria aparece por um instante. Mata, mata a cada segundo e faz abrir um buraco em que nos vamos entranhando sem perceber.


You Might Also Like

28 comentários

  1. O texto está lindo...
    Espero que esteja tudo bem contigo*

    ResponderEliminar
  2. Gostei das tuas palavras, mas espero que esteja tudo bem contigo :)

    ResponderEliminar
  3. Quando a ferida fechar, fica uma cicatriz. E todas as cicatrizes, contam uma história...

    ResponderEliminar
  4. r: Começo a achar que a minha orientação é assexual! ahah ( brincadeira! )

    ResponderEliminar
  5. que profundo! :o espero que estejas bem!

    r: deve ser do stress :/ boa sorte também para os teus exames :)

    ResponderEliminar
  6. r: eu tenho de ligar ao que os outros dizem porque, querendo ou não, quem canta depende da opinião dos outros, são as pessoas que nos ouvem que "decidem" se vamos ser grandes ou não :/
    não tens de estar normal, tens de estar bem :)

    ResponderEliminar
  7. R: Eu sempre me dei bem contigo e tentei falar sempre contigo, por isso não podes culpar a todos, i guess. Que se passa contigo?

    ResponderEliminar
  8. Olá querida :)
    Vim avisar-te que voltei a escrever.
    Se quiseres ler é só passar pelo blog :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. r: Mas eu não disse que por ter sido injusto no ano passado também tem de ser neste. Só disse que é "estúpido" fazerem petições por causa disto! Ainda mais estúpido quando nessas petições realçam mais o facto de quererem médias e não o verdadeiro "problema" do exame. E não é com petições que chegam lá. Se há alguém que pode fazer alguma coisa, são as associações de professores, que chegam "facilmente" às entidades competentes no assunto. Não são petições, muito menos escritas daquela forma, que vão mudar alguma coisa.

    ResponderEliminar
  10. Resp: Oh, é tão bom ler um comentário como o teu :)
    Fico muito feliz!!!
    Hoje publico o primeiro capítulo :)

    ResponderEliminar
  11. R: Correu sim :) Não esperes muito das pessoas Kate, esse é o meu mal e o teu!

    ResponderEliminar
  12. R: Se tens saudades de falar connosco, tens os nossos mails ;) Estava a pensar na série e só me apercebi quando carreguei em enviar :p

    ResponderEliminar
  13. R: Sempre ahah :) Quando se tem saudades, arranja-se tema, mas tu é que sabes.

    ResponderEliminar
  14. belo texto, sem dúvida, mas já experimentaste apagar a luz? Penso que já és capaz de caminhar na escuridão ;)

    r. obrigado por ambos os comentários, foste muito querida. ♥

    ResponderEliminar
  15. r: obrigada, obrigada, obrigada, kelda <3 também estou aqui para tudo!

    ResponderEliminar
  16. r. foi o que eu disse, fiel a si mesmo :)

    ResponderEliminar
  17. R: Se algum dia quiseres falar com as pessoas, elas estão aqui!

    ResponderEliminar

A minha Lista de blogues